Shitake

O shitake é um cogumelo comestível que, além de ser muito saboroso, ainda possui propriedades terapêuticas e pode até ser considerado como um cogumelo medicinal. O cogumelo Shitake já é cultivado há mais de 800 na Ásia, se diferenciando de outros cogumelos por apresentar um alto teor de substâncias que são benéficas ao seu sistema imunológico, além de também apresentar inúmeras vitaminas.

No mercado de cogumelos, o Shitake é o mais consumido em todo o mundo. Como é de conhecimento geral, é um fungo e é cultivado em toras de madeira ou em substratos com serragem de madeira. Por apresentar um sabor bem característico, é vastamente utilizado na culinária japonesa e chinesa, podendo ser consumido como: Saladas, risotos, pizzas, molhos, estrogonofe etc.  No momento do preparo, todo o cogumelo é aproveitado, pois pode ser preparado inteiro ou em partes.

Na medicina oriental o Shitake é conhecido como o “elixir da vida”, graças às suas qualidades no combate a inúmeras doenças e no aumento da longevidade. É também considerado um forte afrodisíaco. Todas essas propriedades terapêuticas foram comprovadas após inúmeros estudos ao redor do globo, principalmente no Japão e nos EUA.

É rico em proteínas, aminoácidos essenciais, sais minerais, cálcio, fósforo, ferro e diversas vitaminas. Também contém fibras, o que auxilia muito na digestão. Os baixos níveis de açúcar e gordura os tornam aliados indispensáveis em dietas, além do fato de serem deliciosos.

Há estudos também que comprovam que o Shitake ajuda na regulação da taxa de colesterol no sangue, na inibição do desenvolvimento de células cancerígenas e no combate de doenças causadas por vírus, bactérias ou fungos.